ADHEMAR DE CAMPOS TEMPLO VIVO DOWNLOAD GRÁTIS


Ouça músicas no maior acervo do Brasil. São quase 2 milhões de canções. Venha ouvir!. discografia. Foto do artista Adhemar de Campos Vamos Cantar - Ao Vivo. • Templo Vivo - Ao Vivo. • . Mais música em: Cifra Club Palco MP3 . Albuns disponives deste artista: Testemunhos de Louvor , Momentos de Louvor Vol 1 , Templo Vivo , Momentos de Louvor Vol 2 , Deus.

Nome: adhemar de campos templo vivo download grátis
Formato:ZIP-Arquivar
Sistemas operacionais: Android. iOS. MacOS. Windows XP/7/10.
Licença:Grátis!
Tamanho do arquivo:56.68 MB

Te Exaltamos Uma melhor que a outra. O sentido This song is available in Playback. Convite a adorar e adorar cada vez mais.

discografia. Foto do artista Adhemar de Campos Vamos Cantar - Ao Vivo. • Templo Vivo - Ao Vivo. • . Mais música em: Cifra Club Palco MP3 . Albuns disponives deste artista: Testemunhos de Louvor , Momentos de Louvor Vol 1 , Templo Vivo , Momentos de Louvor Vol 2 , Deus. Pen Drive com Discografia em MP3 de Adhemar de Campos () Tempos de Celebração – Ao Vivo () Momentos de Louvor 1 () Templo Vivo. Legado 40 conta a história de vida cristã de Adhemar de Campos, uma longa jornada dedicada aos princípios e valores Ato 2 – Igreja no Templo (). Discografia completa de Adhemar de Campos - Último lançamento: Tempo De Festa. Vamos Cantar - Ao Vivo. # 9 faixas Templo Vivo - Ao Vivo. .

His banner over me 6. Lord, we're so hungry 7. You're so precious, Lord 8. Something new 9. All I want to do Deeper with you Iniciar Download Voz. Som da Chuva 2. Jesus, Meu Primeiro Amor 5.

Anseio Ardente 9. Fluindo Marcadores: Ludmila Ferber. Marcadores: Ministério de Louvor Batista Elohim. Marcadores: Ministério Cura para as Nações. Sofrer Por Jesus Uma Mesa No Deserto A Jumenta Vai Falar Igreja Morena Deus de Planos Deus Manda Te Dizer Marcadores: Cicero Nogueira. Marcadores: Jarba Ramos. Marcadores: Third Day. Jesus Cristo mudou meu viver Situações Creio Alfa e ômega Ele é Jesus Mover do espirito Restitui Autor da minha fé Bairro que sobrou Vaso Novo Download Download.

Marcadores: J.

Show ao vivo - Gravado em São Paulo (Apocalipse 16)

Marcadores: Michelle Nascimento. Providência Eu sou o que sou Conquista Deus é fiel Salmos 24 Ele vai te exaltar Flores caída Recebe a gloria Deus quer operar Marcadores: Abigail Pires. Marcadores: Rachel Novaes. Marcadores: Eva Vilma. Pela Fé. Foi no Vale. Seja Constante. Intimo Amigo. A Tua Presença me Basta. Compromisso com Cristo. Eu Vim Falar de Amor. Voz no Deserto. A Quem Temerei. Infinitamente Mais. O Senhor Fala. Marcadores: Melissa. B - 10 anos.

Marcadores: Ministerio Louvar 'a Deus. Soube que me amava - Aline Barros 2. Meu Sonho - Eyshila 3. Ainda te amo - Melosweet 4. Pamela - Quero te encontrar 5. Sem dor - Marina de Oliveira 6. Vou te amar - Bruna Karla 7. Minha amada - Fernanda Brum e Emerson Pinheiro 8. Chocolate Quente - Alex e Alex No teu olhar - Rayssa e Ravel Bom dia, amor - Marquinhos Menezes e Lilian Meu verdadeiro Amor - Ellas Nossa História - Banda Giom Minha filha, minha flor - PG Download.

Marcadores: Amo Você. Marcadores: Programas. Marcadores: Ungidos Quatro. Esperança linda 2. Deus garante 3. Isto é Deus 4. Muito especia l7. Somos campeões Igreja Vitória do povo de Deus Ciladas 13 à Playbacks Iniciar Download Voz. Esperei confiantemente no Senhor E ele se inclinou para mim Como na estrada de Jerusalm, Um dia tambm poderemos cantar A Jesus Cristo que vir outra vez, Para levar-nos ao eterno lar.

Enquanto mil vozes. E me ouviu quando clamei por socorro E me ouviu quando clamei por socorro E me ps nos lbios uma nova cano Um hino de louvor ao nosso Deus Muitos vero essas coisas com temor E confiaro no Senhor. Tirou-me de um poo de lama e perdio Colocou-me os ps sobre a rocha E me firmou os passos l onde no h choro E me firmou os passos E me ps nos lbios uma nova cano Um hino de louvor ao nosso Deus Muitos vero essas coisas com temor E confiaro no Senhor Muitos vero essas coisas com temor E confiaro no Senhor.

Cantai ao Senhor um cntico novo, Porque ele tem feito maravilhas; A sua destra e o seu brao santo Lhe alcanaram a vitria. Cantai ao Senhor, todas as terras. Cantai ao Senhor, bendizei o seu nome; Proclamai a sua salvao. Anunciai entre as naes a sua glria, Entre todos os povos as suas maravilhas. Porque grande o Senhor, mui digno de ser louvado, Mais temvel do que falsos deuses. O Senhor fez notria a sua salvao; Manifestou a sua justia perante os olhos das naes.

Com harpa e voz de canto; Com trombetas e ao som de buzinas, Exultai perante o Senhor, que Rei. Ruja o mar e a sua plenitude, O mundo e os que nele habitam. Na presena do Senhor, Porque ele vem julgar a terra; Julgar o mundo com justia, E os povos com equidade. E da sua fidelidade para com a casa de Israel.

Por chefe sobre todos. Que habita em mim. Riquezas e glria vm de ti, Tu dominas sobre tudo, Na tua mo h fora e poder; Contigo est o engrandecer e a tudo dar fora. Ainda que as trevas venham me cercar, Ainda que os montes desabem sobre mim, Meus lbios no se fecharo, Pra sempre hei de te louvar. O meu louvor. Agora, pois, nosso Deus, Graas te damos, e louvamos o teu glorioso nome. Ainda que cadeias venham me prender, Ainda que os homens se levantem contra mim, Meus lbios no se fecharo, Pra sempre hei de te louvar.

Graas te damos, e louvamos o teu glorioso nome. Em nome do Senhor Jesus, Quero me entregar pra sempre ao meu Deus. Eu sei que tentaes viro Mas Cristo j venceu, morrendo em meu lugar. Agora, por todo o meu caminho, No vou ficar sozinho, confio no Senhor. Onde h frieza que haja amor, onde h dio, o perdo Para que teu corpo cresa, sim, rumo perfeio. A comear em mim. Enche-me, Esprito, Mais que cheio quero estar, Eu menor dos teus vasos, Posso muito transbordar.

Este meu corpo partido por ti; Traz salvao e d a paz. Toma e come e quando o fizeres, Faze-o em amor por mim. Oh, d-me falar cada dia Com salmos, hinos de amor! Oh, d-me viver cada dia Com gratido e louvor!

Enche-me, Esprito Este meu sangue vertido por ti; Traz o perdo e liberdade. O nosso Deus resplandeceu em nossos coraes, Derramando sobre ns a sua luz.

A fim de que ns possamos sempre, sempre proclamar As virtudes de quem na cruz morreu por amar. Quem ensinou o amar, fez o amor se encontrar; Fez o amor se revelar, cada dia sempre novo, Como novo nasce sempre o sol. Livres da escurido, Hoje temos a misso de sermos tambm luz Diante dos homens.

Para que atravs do nosso viver, Outros possam a verdade conhecer; E a Deus glorificar, aleluia. Aleluia, aleluia, aleluia!

Somos convidados para adorar Ao nico e verdadeiro Deus; Como um pai gracioso veio nos amar, Preocupado com os que so seus. Quem no glorificar teu nome? Rei das naes, quem no te louvar? Pois s teu nome santo. Sem uma esperana, sem uma razo; Com a sua graa, com o seu perdo, Deu-nos vida nova em Jesus. Todas as naes viro E adoraro diante de ti, Pois os teus atos de justia Se fizeram manifestos.

Rei das naes. Juntos levantemos sempre nossas mos E a uma voz louvemos a Jesus. Sempre estar nos meus lbios o seu louvor. Ame ao Senhor com todo o seu corao, Com toda a fora e razo, com todo o seu desejar. Vejo a luz do Senhor que brilha, Bem no meio das trevas brilha. Jesus Cristo a luz deste mundo, Nos acorda do sono profundo; Brilha em mim. Esprito de Deus, vem refulge em ns.

Vem ordenar que haja luz, Senhor. Pois tem em suas mos o poder A fora, a honra, o querer Louvemos, ento, com o corao Louvar a nossa expresso. Por teu sangue precioso, eu ouso entrar, Minhas sombras da alma vem dissipar; Brilha em mim.

E traz sobre ns sua paz O Esprito Santo derrama uno Pra sermos de fato cristos.

Contemplando tua majestade, Teu reflexo em nossas faces. Honra e santifica este momento, Com a tua igreja que teu povo. O ser que pode respirar, existe pra mostrar, A glria do Senhor.

E a uma voz oferecer-te, Seus louvores, splicas e anseios. Tu s o Senhor de toda glria, Hoje, sempre e como foste outrora. Pois Deus, somente Deus. Deus, somente Deus, Domina o trono do universo, Que a voz da criao se erga para dar Louvor somente a Deus. A alegria de adorar, desejo de exaltar, A Deus, somente a Deus. Deus, somente Deus Porque Deus Deus Tremendo, o grande Rei. Ele est no trono santo, ele reina entre as naes, C7 G7.

Acorda, minhalma, desperta para Deus, Proclame glria ao Santo com o coro l do cu. E ao redor do trono onde a voz de louvor Reina soberano, Cristo o Senhor. Os cus manifestam tua glria, Senhor.

Uma voz, um corao; Uma voz, um corao. Cristo, esperana de um mundo melhor, Sol da justia, brilha em ns. O seu mandamento importa obedecer De ser luz, resplandecer; De ser luz, resplandecer. Os que navegam nos mares, Os que moram nas ilhas, Habitando as cidades, Ergam a voz e cantem Cantai-lhe um novo canto, Os seus louvores, aos confins da terra; Que em cada povo se diga, declare, At que todos ouam Chegou a nossa hora de ser parte da histria, De ousar e ir avante, de sair e proclamar: Cristo Jesus o Senhor!

A ele toda glria e louvor! Cristo Jesus o Senhor! Misso ao, transforma e abenoa, Motiva a nossa vida, ajuda as pessoas, Enfrenta a misria, reparte o Po da Vida. Digno de receber hoj e o louvor. Se movia sobre a face das guas. Foi ele quem criou o cu dos cus, E fez separao das guas, da terra seca. Foi ele quem criou os luminares, E criou a natureza e formou o homem.

Jesus, que doce nome, Que transforma em alegria o meu triste corao; Jesus, s o teu nome capaz de dar ao homem salvao. Assim, como a noite aguarda o sol, Como a brisa sonha um dia soprar, Como a terra seca espera a chuva, Como o rio anseia pelo mar, Eu desejo tanto ver o dia chegar.

S de ouvir Se tornar verdade tudo o que sempre sonhei, Tristeza eu no mais terei, E toda a lgrima do meu olhar, ele enxugar. Braos levantados livres do mal, Igualdade e justia haver, J no mais ter morte ou guerra, Novo cu e uma nova terra, Eu desejo tanto ver o dia chegar. O Senhor a minha fora, meu escudo e salvao.

Nele o meu corao confia E expressa minha alegria E o motivo desta cano, para o seu louvor. No novela nem filme qualquer de fico, Nem tem heri pra na hora do aperto dar a soluo. Nenhum espao pra seguir em outra direo E os da espera no queiram depois vir com apelao.

E vem pra julgar, pra dar uma deciso. No balela, nem papo pra dar mais sensao E nem fuga se a vida maluca quer deixar na mo. To certo como as horas que chegam, passaro, Ele vir como rei separar pra sempre o mau e o bom.

Ressurgiu em glria e em breve voltar. Porque inclinou os seus ouvidos para mim, Eu o invocarei enquanto viver. Enquanto eu calei o meu pecado, Envelheci, eu sei, de to cansado. Cordis da morte me cercaram, E angstias do inferno de mim se apoderaram.

Porque a tua mo pesava sobre mim; E o meu vigor chegou ao fim. Um barco avana pra dentro do mar, L vo os homens com Pedro a pescar Por toda noite sem nada apanhar Com mos vazias, to frias, S querem pra casa voltar E do clice agora iremos beber, Pois, por meio da cruz, nos tornaste irmos, Nos compraste da morte pra um novo viver. Prepara a rede, te ensino a pescar. V quantos peixes na rede esto Foi embora o medo, cedo, J podem pra casa voltar E na tua presena levanto minhas mos, 1 2 Vem, com teu Santo Esprito, inunda meu ser.

Pois a tua alegria inunda meu ser! E a uva do vinho, deixou-se esmagar, Pelos nossos pecados quiseste morrer E teu sangue, por ns, numa cruz derramar. Jesus mostrou-me outro tipo de mar; Salvar as vidas do seu naufragar. Letra e Msica: Jefferson F. Frana Jr. Um s cuidado, qualquer que seja, Pois um, somente um, seria muito para ti. Bendizei o nome do Deus Criador.

Nada mais bonito e nem maior Que o teu amor. Cus e terra manifestam teu poder E tua glria, Deus Onipotente Tudo diferente quando canto em teu louvor.

TEMPLO ADHEMAR DOWNLOAD GRÁTIS DE VIVO CAMPOS

Tens nas mos todo o poder, O inimigo hs de vencer. E em nada vais mudar nem deixar de me amar, Mesmo pecador. Grande Salvador. Onde podemos cantar pra Jesus, E receber dele a luz, oferecer-lhe o louvor Que traz terra o seu trono dos cus.

Te transmitir o amor de um irmo, Te ver louvando aqui sempre comigo, Te dar a minha mo. Quando Deus achou-me em trevas disse: Haja luz. Quando Deus achou-me em guerras disse: Haja paz. Quando Deus achou-me em negras nuvens de tribulao, Fez nascer um arco-ris no cu do meu corao.

Toda vez que eu tive sede, ele deu-me de beber. J aprendi o segredo pra viver Contente em qualquer circunstncia, Seja na fartura ou na necessidade Louvo ao Senhor. E, ouvindo uma multido, perguntou o que se passava. Filho de Davi, tem misericrdia de mim! Jesus, olha para mim! Porque se por um s momento Atentares para mim, Limpo serei do meu mau!

O Senhor dos Exrcitos conosco est. Honra, justia e poder, E em louvor ao teu nome iremos pra sempre cantar. E Jesus, ento, disse: V, e logo o cego viu, E seguindo com a multido dava louvores a Deus. E por onde Jesus passava sempre havia no caminho Pessoas como o cego a gritar: Filho de Davi. Como tremendo o teu poder, Senhor, Como grande o teu amor: Amor to grande, amor to brando, Amor que arde o corao. Sua tatuagem, seu jeito de andar Olhar de menina, corpo de mulher Pros homens um vcio qualquer.

Sem eira nem beira de qualquer maneira Se esconde entre brincos, colares e anis Escrava da sorte de esquinas cruis. A emoo que o artista quer transmitir. Pois suas canes so to bem construdas, Tom sobre tom. Mas seus coraes esto na pauta do vento. Pois pagam seu preo, desfrutam seu corpo Confundem prazer com amor No seu dia-a-dia, a mesma agonia Vender pra ganhar, pra chorar, pra sofrer Contrariando a vida, pra aos poucos morrer.

Voc tem um preo mais alto, E Deus l do alto um dia j pagou Desceu de sua glria, morreu numa cruz Pra levar de uma vez suas lgrimas O amor mais sincero, a paz sem limites E em meio s tristezas, promessas fiis Cristo em sua vida quebrando os cordis.

Subiu na vida de avio, Comprou at o que no quis, Cumprir seus sonhos, sua paixo, Daria tudo s pra ser feliz Motivos em vo Vai, to longe do Pai, pensando e chorando Tua falta de f Sai dessa revolta, pensa e volta, Quebra os teus grilhes; Deus tem vida plena, vale a pena retornar e ver Pois arrependido, mais um filho volta ao lar!

E ento sozinho descobriu Parou no tempo enquanto andou E viu que os sonhos e as paixes Dinheiro, fama e tudo que seduz Ho de passar nos coraes Dos pobres ricos sem Jesus Bem-aventurado o homem que no anda Segundo o conselho dos mpios, No se detm no caminho dos pecadores, Nem se assenta na roda dos escarnecedores.

TEMPLO GRÁTIS VIVO DE DOWNLOAD ADHEMAR CAMPOS

Antes tem o seu prazer na lei do Senhor, E na sua lei medita de dia e noite. Pois ser como rvore plantada Junto a ribeiros de guas. Passe a sua vida a limpo e vem louvar Busque um corao de santidade Acerte a sua vida com Jesus Amigo de Deus Pai, no deixe de ser. Com cheiro de Nordeste com gosto de quero mais? Porque em esprito e em verdade que se adora s fazer de todo, todo o corao. Abre o corao pra Deus, e vem louvar De sentimento puro e verdade To claro como brilha a luz do sol Clareia a sua vida e vem louvar a Deus.

Se eu fosse contar o que de algum ouvi, Poderia um detalhe esquecer; Pois quando se conta algo que no se viu, Muita gente talvez no v crer. Nas estrelas vejo a sua mo E no vento ouo a sua voz, Deus domina sobre terra e mar, O que ele pra mim?

Mas o que senti com o toque da f, E at com os olhos da alma eu vi. D um tempo e escute, vers afinal, Que o Deus que eu achei real. Eu sei o sentido do natal, Pois na histria tem o seu lugar, Cristo veio para nos salvar, O que ele pra mim? O Deus que o mundo to lindo criou, Muito amou a voc e a mim. Por isso seu Filho ao mundo mandou, Nos trazer salvao que sem fim. Descobri, ento, que Deus no vive longe, L no cu, sem se importar comigo. Deixa claro ele vive em meu corao, Encontrei seu perdo e a paz sem igual Digo, ento, que meu Deus real.

Sim, Deus real, Deus real. Surge a pergunta no olhar e na alma do povo. Cada vez mais cresce a fome nas ruas, nos morros, Cada vez menos dinheiro pra sobreviver.

Com amor, alegria, vida ou paz, Nem com ningum que possa me alegrar. Onde andar a justia, outrora perdida? Some a resposta na voz e na vez de quem manda. Homens com tanto poder e nenhum corao, Gente que compra e que vende a moral da nao. Em ter poder, segurana no andar, Nem com ningum que possa me amparar.

Nem com carinhos tantos, Que possam trazer toda dor Da iluso de um corao sem amor. Brasil, olha pra cima! Existe uma chance de ser novamente feliz!

Brasil, h uma esperana! Volta teus olhos pra Deus, o justo juiz! Pois no posso querer alcanar Aquilo de que j posso desfrutar. Fim de madrugada, luz do sol Marejando o dia que j vai chegar. Sim, mudei E aqui de joelhos eu estou Contemplando a ltima estrela. Cantando a cano da alvorada: Pra te fazer feliz, pra te louvar, Pra te reconhecer, pra te encontrar, Pra ver no sol que nada sou sem tua luz, S pra saber que nada sou sem ti, Jesus.

E pra trs tanta coisa j ficou, como eu era J no sou, pois algum me mudou. Quando penso nas loucuras e aventuras que passei, verdade Jesus: Mudei! Letra e Msica: J. Todo mundo precisa de algum, Algum sozinho ningum, Andorinha que no faz vero. No se pode viver sem dividir Sem dar as mos nem sorrir, C add9 [ E74 E7 ]. Com voc descobri como lindo o amor, No preciso fingir, posso ser quem sou. Meu grande amor, razo da minha vida, Meu doce amor, razo de toda paz; Que Deus l do cu me traz.

Um s rebanho, um s pastor. Sim, esperamos por ti, Senhor! Os seus olhos me fazem compreender Que no h nada a temer Quando a gente confia em Deus. Ao seu lado eu me encontro muito mais, Sou to feliz, to capaz, Minha vida um pedao do cu. Pai nosso que ests no cu santificado seja o teu nome Venha a ns o teu reino seja feita a tua vontade F Am F. Que ele cresa sem fim, sem medida. E perdoa nossas dvidas como ns perdoamos Nossos devedores. Que Deus l do cu me traz. No nos deixes cair em tentao mas livra-nos do mal Pois teu o reino o poder e a glria pra sempre, sempre Am G6 F7M Em7 Vaidade no comprimento da saia, No cumprimento da Lei Vaidade exigindo prosperidade Por ser o filho do Rei Muito mais do que ouvir preciso sentir Demonstrar o amor fazer como Deus Que desceu l do cu e entre ns se envolveu.

Vaidade se achando a Igreja da Histria, Vaidade Pentecostal Vivendo e correndo atrs do vento, tudo vaidade! Vaidade juntando a f e a vergonha, Chamando todos de irmos Vaidade de quem esconde a Verdade Por ter o povo nas mos Vaidade buscando Deus em si mesmo, Querendo fugir da cruz Muito mais que viver preciso se dar Muito mais que sentir preciso lutar Repartir o po, estender a mo Transformando a f numa grande misso.

Falsos chamados, apostolados, do lado oposto da f Dinheiro, sade, felicidade Aquele que tem contra aquele que Muito mais que fugir, bem pior negar, Muito mais que no ver, bem pior se omitir Demonstrar o amor fazer como Deus Que se fez como ns se entregou e morreu.

Rdios, TVs, auditrios lotados, Ouvindo o Evangelho da marcha a r Se neste momento seu corao No tem motivos pra louvar, Se neste momento parece que Deus Est to longe de voc. E perante Deus todos somos iguais. Vem, vamos mostrar Que em nosso meio existe um outro algum Quo amveis so os teus tabernculos, Senhor dos Exrcitos! A minhalma suspira e desfalece [ F m7 11 , B7 b9 B7 ]. Vem, vamos dizer Que h muito tempo atrs nos escolheu Quadros coloridos pra pintar a nossa histria Tristezas, alegrias, incertezas, esperanas, Lembranas e saudades, mesmo perto ou na distncia Ho de ser pra ns um alicerce em nosso amor, Unidos na vontade do Senhor Ao altar de bronze; Senhor, teu rosto eu quero ver.

Passa-me da multido por onde o sacerdote entra; Tenho fome de justia e s encontro um lugar. Leva-me ao lugar santssimo Pelo sangue do Cordeiro Redentor. Eu canto para ele de todo o corao! Feliz de quem sabe sonhar, Um sonho jamais chega ao fim Da gua da vida, que Cristo d. Deus paz, toda guerra dissipou, Deus vida, sobre a morte triunfou, Se ele entrar em seu corao, Rios de gua viva fluiro Quem quiser Transforma a tristeza em flor!

Vem viver na presena de Jesus, Conhecer seu amor e sua luz, Vivendo assim, voc vai sentir Rios de gua viva do seu corao fluir Se a planta brotou, a semente morreu, Se o dia findou, o luar j nasceu, Pois tudo se encontra, tudo se d em amor A guerra findou porque algum se rendeu, O medo acabou porque a paz renasceu, No h compromisso se no houver amor O corao alegre, quantas luzes faz acender, Abre a porta dos olhos, traz de novo o amanhecer E nenhum dos teus planos pode ser frustrado.

Eu te conhecia s de ouvir Mas agora os meus olhos te veem. De algum que anda cont i g o. Gira o ponteiro; tempo a passar Fogem os minutos e a vida Tempo que no pode voltar guas debaixo da ponte Que j no movem moinhos. Pelos dias passados, teu cuidado de pai, Como nos tens guardado, O, O, O.

Saber que esta hora amar ga Tinha que um dia acontecer. Rico por dentro, vazio sentimento, eu vou indo por ir.

VIVO TEMPLO DE DOWNLOAD GRÁTIS ADHEMAR CAMPOS

De que me valer saber que o caminho Jesus: Vida, verdade e luz, encontro-me a perguntar Como equacionar a inevitvel cruz Que vem nos separar e solido conduz? E reclamam de mim: L vai Mateus, falso irmo, Traindo a nao, jogando por Roma custa dos seus. Foi sempre o meu intento Mostrar o Pai onde eu passei. E quem caminhar comi go Tece seus sonhos junto aos meus. Santo o Senhor, Deus poderoso! Que era, que , e que h de vir, Santo, santo, santo o Senhor!

Justo, justo, justo o Senhor Forte, forte, forte o Senhor O mundo h de passar e toda profecia, Os dons, as lnguas e tudo o mais que existir. Teus filhos somos e teu povo, Aqui reunidos, vem Senhor, D-nos beber teu vinho novo, Recebe em troca o nosso amor.

No busca interesse ou favor, Mistrio, expresso, vida e luz do Senhor. Qualquer lngua, em qualquer lugar, E desse meus bens ao mais pobre ou morresse Em favor de algum. Selados fomos com teu selo, Garantes nossa redeno, Vem nos encher de santo zelo, Aquece a nossa comunho. Marks Intr. Eu me inclino a teus ps, Senhor! Prova o meu corao, Senhor! Conforme as obras de cada um.

Madrugada, foge o sono, E to bom saber que ests aqui, Senhor Doce mistrio o teu amor por mim, Nasce o sol, nasce a luz, nasce em mim Madrugada, foge o sono, E to bom saber que ests aqui, Senhor! E to bom saber que ests aqui, Senhor!

Que de toda ousadia, altivez a valentia Se desfaz deixa atrs do orgulho abre mo. Quando na dor, na tentao, Quero em tuas mos agarrar Para que no venha a me desviar. Quero poder permanecer Sempre nos teus caminhos Para firmar meus ps em ti, Autor da vida, meu Senhor!

Aleluia Aleluia , te louvo te louvo , Pois sei que sobre todos s Senhor. Aleluia Aleluia , te louvo te louvo , F. Outra estao e o frio faz tudo emudecer. Canes azuis, quimera ter voc ao lado meu. Verei em Ti to profundo amor Que ir minha alma inundar. Meus medos ir dissipar. O que somos e seremos para o teu louvor.

No suporto, no podem continuar: Quando ele sim eu sou no, Se ele certeza eu sei l Sai dessa meu, que mais do que vazia. O homem vai e vem nessa procura e no se encontra Sai dessa lontra e volta pro que seu Pois Deus quando te fez no te criou pra isso Sai dessa, o bicho, onde se perdeu. D um tempo que a vida inda vai rolar.

Sou Fluminense, ele Fla; Eu sou conversa ele pl Tem algum batendo palma por te ver assim; , de que valeu a tua vida desvairada, P na estrada, deu em nada, A7 b9 [ D7 9 ] Eb7 9 D7 9 G7 E a mochila carregada dos pecados teus. Ponto de encontro, uma mesma voz, Que nos converte um ao outro E nos traz a paz.

Bem mais louco do que tudo que voc j conheceu o amor daquele que na cruz morreu, Perdoando seus pecados, nova vida ofereceu, Pra tirar dessa loucura gente como voc Louco. Porque j tarde, porque j tarde e o dia declina, Porque j tarde Onde ningum jamais pudesse imaginar, O Criador v uma flor a brotar: Olhai, olhai, olhai, os lrios cresceram no campo, E o Senhor, nosso Deus, os tem alimentado Para nossa alegria, para nossa alegria, Para nossa alegria.

Parte do po, como na estrada, Come dos peixes, abre-nos olhos, D tua mo e permite-nos ver-te como Senhor, E permite-nos ver-te Felizes os que seguem a Jesus, Felizes mesmo em meio a provao, Da terra so o sal, do mundo a luz, Se o sal perder o gosto perverso, Se a luz perder o brilho escurido, Que brilhe certa e sempre a sua luz! Cm Gm7 Cm. Juntos na mesma f, no mesmo amor, Juntos na mente e corao. Temos em cada um a mesma marca, O mesmo sangue, a mesma cruz.

Chama essa gente hoje o tempo 1 De retornar a Deus. A verdadeira paz s tem aquele Que j conhece a Jesus. O sentimento mais precioso Que vem do nosso Senhor, E C m.

O sol se levanta com seu ardente calor, A erva seca e cai sua flor, Mas a palavra do Senhor resiste para sempre. Voz do que clama no deserto Cristo a rocha da minha salvao, Com ele no h mais condenao, Posso pisar numa tropa E saltar as muralhas. O sol se levanta com seu ardente calor, Vir terra a glria do Senhor. Ver a terra a glria do Senhor. Longe do porto em pleno mar, na escurido e deriva; Se seus olhos forem Ele a imagem do Deus invisvel, A exata expresso de Deus Pai.

Aquele que criou o universo E os astros espalhou por seu lugar, Embora to grandioso, est to perto; O Deus Onipotente decidiu se revelar. Em meio a escurido veio brilhar E cada corao pode iluminar Nem o seu prprio povo, Israel, Pois preferiu no o receber. Acontecer que nos ltimos dias, enfim, vir O reino do Deus, soberano, pra sempre se firmar. De muitos lugares, com voz de alegria, Todos os povos afluiro casa do Senhor e o louvaro.

Ento haver um reinado de paz e justia, enfim E Cristo, Messias, Senhor, sobre ns reinar sem fim Maior cada dia ser o seu reino, Todos os povos afluiro casa do Senhor e o louvaro. Tudo que tenho, talentos e bens So teus Senhor, tu os tens.

Cada palavra que eu venha a dizer, Todas as coisas que eu possa fazer, Sejam repletas de glria ao teu ser, Bbm7 Eb7 b9 Ab. Varo de dores, Servo sofredor, Padeceu, sim, Jesus padeceu. De forma espontnea ele a deu, Ningum poderia obrig-lo, Foi seu prprio amor que o moveu Por isso reina acima dos cus, E tem o nome capaz de nos salvar: Jesus, s Jesus, s Jesus!

De todas as tribos, povos e raas, Muitos viro te louvar, De tantas culturas, lnguas e naes, No tempo e no espao, viro te adorar! Como sairemos de Jerusalm, Se o Esprito Santo no mover os nossos coraes? Como iremos Judeia ou Samaria,. Senhor, tem misericrdia de ns!

Bendito seja o seu santo nome Cristo Jesus presente aqui! Como iremos pelo mundo anunciando a Cristo, A vencer poderes maiores que ns? Senhor, vem com teu poder sobre ns!

No tempo e no espao, viro te adorar! E a ns s nos cabe tudo dedicar, Oferta suave ao Senhor, Dons e talentos queremos consagrar 68 A74 A7. A terra vai um dia contemplar, Aquele que um dia vir, E com autoridade julgar: Toda terra se ajoelhar. Oh, aleluia! Ele voltar! Para me levar! Uma nova terra haver E a paz nunca se findar. Oh, como ser maravilhoso Contemplar, sim, o meu Criador!

Para te seguir quando difcil for. Que eu j no mais queira revidar Quando um outro meus direitos usurpar. Pois o mal que eu no quero Muitas vezes vou fazer Mas, o bem que eu desejo, esse no. Como fruto do amor de Cristo, Fruto do seu compromisso, Vendeu um homem o que tinha e repartiu.

Miservel homem que sou Mas, dou glria a Cristo Jesus, Salvador. Tu somente tens o poder E, por isso, eu te clamo: vem me socorrer! Tu conheces o meu corao; Como quero te seguir, d-me direo. Pois o mal Precisando de um pastor de almas, Mesmo de um pastor de homens, Foram procurar aquele que qualificou. Sempre grande poder: curas, milagres de Deus; Sempre proclamao: Cristo, o Senhor, ressurgiu.

Colocando a seu servio nossos dons, Vamos ter os homens a glorific-lo. Ai, preconceitos da gente, jeito, gesto e comida, Cores, modos e tons. Desce do cu o lenol das mudanas: Grego e judeu numa mesma esperana. Corpo so e mente s, so teu caminhar.

Ter deixado pra trs teu primeiro amor. Que a tua voz nos diga o que dizer. Tal como o sal a tudo d mais gosto Eu quero dar ao mundo o teu sabor; Semente, folha, flor e fruto Que a planta cresa e d valor. Que esta luz esteja sempre a iluminar, Que este sal no perca nunca seu poder. Pra tomar a deciso e voltar pra Deus. Letra e Msica: Lcio M. Melhor far tudo o que sua vida deixar, A Deus amar, a ele se entregar.

Pois no mundo inteiro no se encontrar A liberdade verdadeira, que s Cristo d. Que o caminho no teu nome crer.

Adhemar De Campos - Templo Vivo lyrics

Nada alcanar em todo o seu caminho; Mas quem a Deus de todo se entregar, Por amor a Cristo, achar vitria. Ele o Deus que fez a terra, Bem de manh, inda o sol no se levantou, Mas posso ouvir sua voz me chamar; O dia j vem, a dor tambm, Jornada de sol a sol ser.

Todos cus e mares, sol e entardecer; o Deus que do p fez o homem E neste universo tem todo o poder. Eu sei que Dele a fora que abre os mares, Que estremece os montes, que detm o sol, Que incendeia, faz ruir muralhas,. Seu poder me ampara - por que razo temor? Se diante de sua face eu vou. Que d fora aos fracos e os faz andar. Por mais voltas d o mundo, Onde quer que esteja, quero me lembrar Que este Deus, o criador de tudo, que me dirige e me faz cantar.

Tudo passou, j a noite tem seu lugar, Sua voz eu ouo num to belo som, O sono vir, descanso enfim, Descanso que o Senhor dar. Ele quem repreende os ventos, Com uma palavra faz calar o mar; Ele o Deus que faz da gua, vinho,. Ele quem Faz que os cegos tenham vista, Faz que aleijados possam, sim, andar; Vidas velhas transformando em novas, De toda a ansiedade pode libertar.

Deezer Gospel Day reúne grandes nomes da música cristã nacional

Ele quem venceu a morte E por sua cruz me deu vitria. Por mais voltas d o mundo, Onde quer que esteja, quero me lembrar Que Jesus, meu Redentor amado,. Deus nos quer pra mudar uma histria E nos diz que h muito a fazer.

No podemos parar, temos muito a mostrar Pra trazer a este mundo a sua paz. H um caminho na dor, mesmo um dia sem cor Traz consigo a presena do Pai. Quando a noite no quer terminar E a angstia nos leva a gritar Se a esperana se vai e o semblante, ento, cai, H espao pra glria do Pai. Como filhos seus, avanar Tendo sempre a f, juntos sempre a Deus Como filhos seus, avanar Quando o rosto se encontra com o cho E o silncio s traz mais tenso Se o desejo parar, o melhor buscar A presena, a glria do Pai.

D-nos teu amor, d-nos tua fora, Pra que tentaes no venham a nos desviar. E o olho do fraco enxergar Que Deus forte lhe faz, sua firmeza lhe traz E se mostra a glria do Pai. E a glria seja dada a ti, pelo que tens feito, Pelo que tens sido, pelo que fars em ns. Pra que geraes Teu nome possam encontrar. Quando a glria de um homem se vai, Quando falha o seu brao e ele cai, Se a esperana se vai e o semblante, ento, cai, H espao pra glria do Pai. Senhor, tu s a minha rocha e fortaleza; Por causa do teu nome, tu me conduzirs.

Eu me alegro na tua bondade, Porque tens visto minha aflio. A minhalma tem sede de ti, meu corpo te almeja. Como estando em terra deserta, exausta, sem gua, Assim te contemplo, Senhor, Ao ver tua fora e tua glria. Que tua graa melhor que viver. Enquanto flego em mim, sim, restar, Mais que alegria terei em falar. Nos reunimos aquecidos por sua luz. Por meio do Senhor, unidos neste amor, Com vinho e po ns celebramos comunho. Quando o Esprito de Deus se move entre ns Sua chama de amor tocando o nosso ser Como vida derramada, Sua uno abenoada Vai tocando, vai trazendo o Seu poder.

No perdo que tenho em Ti, aprendo a perdoar. Quando o Esprito de Deus se move entre ns Sua presena de perdo traz paz, consolao Como fonte de gua viva vai curando a ferida Renovando, transformando meu viver.

Entre o povo do Senhor, verdadeiro lar. Cristo est presente aqui neste celebrar. No grande encontro preparado que h de vir. Na glria do Senhor, em todo o esplendor, Com vinho e po celebraremos comunho, Com vinho e po celebraremos comunho. E, onde quer que pousares, Pousarei tambm; O teu povo ser o meu, O teu Deus ser o meu. E tudo o que h em mim bendiga o seu santo nome. Bendize, minhalma, ao Senhor, B7 G m7 [ Intr.

E no te esqueas de nenhum s de seus benefcios. Bendize, minhalma, ao Senhor. E te coroa de graa e misericrdia. Com jeito, tempo, intento de adorar. Vs, ministros seus, que fazeis sua vontade! Bendizei ao Senhor todas as suas obras, Em todos os lugares do seu domnio! Amolece o meu corao, molha meus olhos, Revigora o meu amor, aquece a minha orao. Sonda a minha motivao escrita em meus olhos, Tu somente s capaz, Senhor de amolecer meu corao. Revigorar a nossa f, revigorar a nossa f Erguermos alto nossas mos, erguermos alto nossas mos Nos assentarmos a teus ps!

Com leo, que o teu Esprito. O teu perdo, o teu amor, o teu perdo o teu amor Teus grandes feitos proclamar! Teus grandes feitos proclamar! Quis tua bondade em p me suster, Muito obrigado, Pai. Eu estaria cado ao p, mal sei cuidar de mim S se o Senhor cuidar. Louva minhalma ao Senhor! Ter parte em tua graa, Pois sei de mim que sou fraco, frgil e vil, Que sem ti nada sou, nada sou.

Maravilhoso amor o amor de Deus por mim, Que meu corao conhece, que perdoa e esquece; Eterno e sem fim Maravilhoso amor o amor de Deus por ti, Que no mede sacrifcios, que no poupa benefcios; Eterno e sem fim Maravilhoso amor, maravilhoso amor!

Maravilhoso amor o amor de Deus por ns, Que nos olha como santos, nos recebe como somos; Eterno e sem fim Esta cano s para ti, Tu s o motivo primeiro Do meu louvor, da adorao, Do meu amor mais sincero.

Teu o domnio, Senhor, teu o domnio A majestade, o poder, pra sempre, teu o reino. Ns como teu povo, povo de Jesus Louvamos o teu nome a uma voz. Pois atravs do sangue Que ele derramou na cruz,. Eu quero te servir com o que eu sou Como adorador adorador. Mas os que esperam no Senhor Renovaro as suas foras, Subiro com asas como guias, Correro e no se cansaro, Caminharo e no se fatigaro.

Viva f que sempre em frente vai O esprito leve por Deus quebrantado Creu de corao aberto e foi, Creu de corao aberto e foi. Tua presena me impulsiona, Me impressiona, me faz feliz. Rumo aos sonhos com Deus partilhados, Rumo aos campos cobertos de flor. Para a colheita, h muito, j prontos, G7. Como nos disse o Senhor. E outros ficaram com o compromisso De apoiar, de orar e dizer vai De apoiar, de orar e dizer vai. Sei que Jesus voltar! Quando ser, eu no sei. Estou certo, porm, que quando isso acontecer, Eu irei, sim irei!

Sei que esse dia ser maravilhoso, porque Todos que a Jesus se entregaram, pela f, Vo subir, se encontrar. Quem tem posto a mo no arado, No pode mais olhar pra trs! Pois, quem no arado pe a mo, Trabalho certo e perto, tem servio e profisso.

Enquanto Cristo no vem, quero viver mais e mais Como quem, dia a dia, espera o Salvador Que vir, sim vir!

Voc, amigo, tambm pode esper-lo assim, preciso, entretanto, entregar-lhe o corao E, ento, vem cantar! Que bom ser. Planta em tua terra, Faz do teu trabalho tua guerra. Quem em Cristo pe a vida, No pode mais olhar pra trs! Pois, quem ao Mestre deu a mo Trabalho certo e perto, tem servio e profisso. Mostra em tua vida, Faz das boas novas tua lida. Quem tem posto A A4 A Nada vi que pudesse ser real nada vi Percebi que todos buscam paz, Porm, em vo porm, em vo A sua vida entregou na cruz A fim desse amor revelar.

Ele quer que eu o siga cada dia. No me deixa s, mas diz: Estou contigo, venha o que vier, No te deixarei. No te deixarei, filho meu. No h soluo no h soluo , no h soluo. O seu amor pude experimentar: Me entreguei a Cristo E a vida eterna vou gozar. Posso ver que voc no feliz posso ver E o seu amor compartilhar.

Ele quer que eu o siga Cristo Jesus meu bom Salvador, Desejo am-lo mais, todos os dias s meu Senhor. Sei que h, pois Deus o diz e eu no posso duvidar, Mesmo que no possa imaginar, Espero o dia, sim, espero. Aleluia, aleluia, pois Cristo vem me buscar.

CAMPOS ADHEMAR DOWNLOAD GRÁTIS TEMPLO VIVO DE

H de ter um lugar onde lgrimas no rolaro, Fracassados, dias maus, da vida em caos, Jamais verei, pois, No lugar, santo lugar, onde o inimigo ausente estar, Face a face a Cristo verei E muitos vero, por isso eu canto Calmo, sereno e tranquilo, Sinto descanso neste viver; Isto devo a um amigo E s por ele eu pude obter.

Ele Jesus, meu amigo,. Conheci o mundo mal e com ele seus ardis, Me arrastei no lamaal, tudo isso porque eu quis; Saber mais que qualquer um, construir algum amor Onde a paz pudesse ser a verdade pra eu ver. Mas Jesus Cristo veio e me achou assim to sujo, E numa cruz por mim derramou sangue to puro: Foi assim que me salvou. Meu Senhor, o Salvador. S por ele eu ganhei A vida eterna com Deus, com Deus. Eu conheo agora, sim, a clareza de Jesus, Foi das trevas que eu vim, encontrei-me com a luz, Hoje quero, sim, saber do meu mestre salvador, Quero dar-lhe meu louvor, eu s nele posso crer.

Triste foi sua histria: Levado cruz sem pecado algum. S porque me amou, Morreu por mim e no hesitou.

Adhemar de Campos | Cifra Club

Cruzando o tempo, daqui se v, Muito negreiro vendendo o qu Traz escondido em seu malquerer: fricos trficos, vida e ser.

Nasceu na favela do mundo, no fundo de um velho poro, No bero da nossa pobreza, Nas sombras da nossa opresso. Brincou pelas praas de maio, caiu e rolou pelo cho, Correu pelas bolas de meia, ouvindo e fazendo cano. Varando as ondas, escuto a dor, Feito um lamento ai, meu Senhor! Onde h razo pra tanto furor, Tanta vingana na clara cor? E cresceu entre aquelas crianas E as andanas que fez no serto, Para ser a mais fina esperana De uma paz com justia e mais po.

Contou casos desconhecidos e outros que a vida ensinou; Ao povo mostrou o caminho e pelo caminho andou. Cada lugar do oceano Faz onda como deseja. E plantou as sementes de um reino Onde crescem os frutos do amor; A cor no separa os amigos E a ternura bem mais que um favor.

Todo escravo desejo a fim De espao aberto, de alm de si; Vive na espera de ser feliz Na volta terra de seu pas. Chorou pela perda de algum. Deu voz aos que nunca falaram, calou os que s tinham voz; Aos surdos deu som e sentido E mo aos que andavam ss. O preconceito navio-merc De muitas ondas, de outro querer Quem prende algum a qualquer dever Torna-se escravo at sem saber. Quem mais livre: corrente ou p?

Mordaa ou voz, sombra ou luz, at? Eis o silncio, a resposta : Livre quem vive de f em f. Por trs dessa cordilheira uma noite inteira vai descansar, O sol j vermelho de tanto iluminar O solo moreno e latino-americano, sereno e belo Tal corte e pano, certeiro plano de cultivar. Por trs dessa bela tela h muita sangria, muito lutar, Um povo perdido acerca do seu lugar.

E a vida solene aguarda o melhor momento Em que voz e canto se faam vento, Vontade e fora de transformar. Persegue a corrente o passo dos invasores, Vigia a montanha a manh dos tais senhores, E cada penedo marca a mais vil trapaa, A cobia louca e a ameaa Dos que pretendem ser soberanos Por todo o correr da histria Um clamor insano arrastou-se ao ar, Batendo pelas colinas a ecoar, Um grito ferido em busca de ouvido atento, Um olhar ansioso de achar alento Na parceria de outro olhar.

Assentado e mo sobre a cabea a no pensar Pensar no que j foi e que no pode mais, Pensar no que no e at no que jamais ser, porque Viver assim, viver ao lu, Viver ao cu de qualquer sol como no viver. Como encontrar o caminho? Por ela passou o povo que em cantoria festava o novo, Toda a alegria de ver a lida se completar. E o sol despertou do sono, apesar de cedo, Brilhou cheio de surpresa por tal folguedo, Mas logo atirou-se roda dos trovadores, Cantou baladas, tocou tambores, Partiu-se em mil raios de fulgores.

Gm7 C7 [ Intr. Coragem de se lanar no meio da voragem De mares e lugares onde algum Ficou sozinho a segurar a vida como um bem, Os olhos no universo e a voz perdida Mas como repousar o amor divino? Do que viverem perdidos em seus coraes. G7M Em7. Na verdade ningum vive s por viver Mas vive pra outra pessoa E se faz um ser completo No instante em que vive no outro, assim A luz, a voz, o porto, a alma segura Verdade, tempestade em todo o nosso mundo, E j no temos tempo que perder, Fazendo adiar a nossa ida e dever De estender agora a mo amiga A tempestade filha do sol, E a chuva, amiga das plantas.

As plantas so o abrigo das aves E as aves so nossa alegria.